Watch live streaming video from occupynyc at livestream.com

domingo, 16 de janeiro de 2011

Juntas médicas especiais passam de 90 cêntimos para 50 euros


Atestados médicos e vacinas sofrem aumentos radicais

Segundo diploma publicado no Diário da República que actualizou as taxas dos serviços de saúde pública, as vacinas internacionais recomendadas para viajantes, os atestados médicos para cartas de condução para condutores de pesados e as juntas médicas de incapacidade para obtenção de benefícios fiscais, sofreram aumentos radicais. 

De acordo com a aplicação do diploma, as juntas médicas especiais – que atestam incapacidade ou deficiência - custavam 90 cêntimos, com os novos preços passam para 50 euros; outros atestados passam para 20 euros.

Ainda as vacinas contra as febres amarela e tifóide, obrigatórias para viajar para alguns países, como por exemplo Angola, aumentaram, em vez de pagar a taxa habitual de 12 cêntimos por cada vacina, os viajantes passaram a pagar 100 euros pela primeira e 50 euros pela segunda.

Etelvina Calé, da Direcção Geral de Saúde, explicou à TSF o porquê do disparo nos preços: «Temos que ter em conta que não eram actualizados desde 1968. A única coisa que aconteceu com as taxas foi que sofreram conversões de escudos para euros. Além disso, as juntas médicas implicam três delegados de saúde, a instrução de processo por um desses três e ainda um domicílio feito por essa autoridade, que vai verificar o candidato.»


Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...