Watch live streaming video from occupynyc at livestream.com

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Assange pode recorrer para o Supremo Tribunal britânico
























O fundador da WikiLeaks Julian Assange pode recorrer para o Supremo Tribunal britânico da decisão de o extraditar para a Suécia por delitos sexuais, anunciou o seu advogado, Gareth Peirce.

Segundo o advogado, os juízes do Tribunal Superior aceitaram o argumento de Assange sobre se a polícia e os procuradores suecos são uma autoridade judicial e se, como tal, podem emitir pedidos de extradição à luz da legislação europeia.

Os juízes consideraram, na sua decisão, que o caso de Assange é de "importância pública" pelo que deve ser analisado pela mais alta instância judicial britânica "o mais rapidamente possível".

Peirce indicou que Assange tem agora 14 dias para apresentar um pedido ao Supremo Tribunal.

O australiano, de 40 anos, foi detido a 07 de Dezembro de 2010 em Londres e luta desde então contra a sua extradição para a Suécia, onde é acusado de delitos sexuais por duas mulheres suecas.

Até agora, dois tribunais britânicos decidiram a favor da extradição.

Assange, em prisão domiciliária desde então, nega as acusações e alega que em ambos os casos as relações sexuais foram consensuais. Para o fundador da WikiLeaks, o processo tem motivações políticas.

A detenção de Assange ocorreu semanas depois de o 'site' WikiLeaks ter começado a divulgar um total de 250 mil telegramas diplomáticos norte-americanos.

fonte: DN

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...